quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

ANOTE A DICA

Os benefícios da salada de fruta

As frutas são presença garantida em uma dieta saudável e balanceada, com a vantagem de, diferentes de alguns legumes e vegetais, serem doces, aromáticas, suculentas e muito saborosas.

Seja no verão ou no inverno, as frutas permitem várias combinações e acompanhamentos e são bem-vindas no café da manhã, no almoço, no jantar, como sobremesa e como lanchinho entre as refeições.

Quem resolve trocar um sorvete com calda cremosa por uma deliciosa e colorida salada de frutas não sai ganhando apenas na economia de calorias.

O consumo da salada de frutas pode trazer uma série de outros benefícios para a saúde, como você pode ver a seguir:
Proteção contra o envelhecimento precoce

As frutas possuem ação antioxidante, o que ajuda a combater os radicais livres responsáveis pelo envelhecimento precoce. Além disso são fontes naturais de vitaminas A, C e E, que também protegem contra o envelhecimento celular.
Combate ao estresse e à depressão

Quem sofre de depressão, normalmente pode ter deficiência das vitaminas C e A no organismo, vitaminas que podem ser encontradas na laranja, na manga e na banana, por exemplo, frutas que batidas com água formam um poderoso suco anti-estresse.
Ajuda a combater a celulite e retenção de líquidos

A celulite que tanto apavora a maioria das mulheres nada mais é o resultado de uma retenção de água e toxinas nas células. Frutas como a maçã e o abacaxi funcionam na prevenção de tal retenção, pois o abacaxi possui enzimas de ação anti-inflamatória e diurética e a maçã é ótima para eliminar as toxinas do corpo, fazendo uma verdadeira limpeza no organismo.
Auxilia no bom funcionamento no do organismo

As frutas possuem vitaminas, sais minerais, fibras e carboidratos indispensáveis para a saúde do corpo e para o bom funcionamento do aparelho digestivo.
Opção saudável e com baixas calorias

Para saciar a vontade de comer doces, a salada de frutas é uma opção equilibrada e com baixas calorias. Uma taça de aproximadamente 250 gramas contém em média 131 calorias, mas tudo depende da fruta e principalmente dos acompanhamentos.

As saladas de frutas como opção de sobremesas recebem acompanhamentos diferentes para deixá-las ainda mais saborosas. Entre eles os mais comuns são o leite condensado, o creme de leite e até chantilly. Mas para que você possa aproveitar o sabor das frutas sem se exceder, a dica é escolher acompanhamentos saudáveis como o próprio suco da fruta, o mel, a linhaça, o iogurte, a aveia e a granola, que além de possuírem poucas calorias, dão uma turbinada na sua salada deixando-a ainda mais nutritiva.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda o consumo de 400 g/dia de frutas e verduras, o que equivale a cinco porções/dia (três de frutas e três de legumes e verduras). Entretanto, segundo o sistema VIGITEL (pesquisa de 2006) o consumo de frutas, verduras e legumes no Brasil está aquém do sugerido como saudável. Em contrapartida, esse consumo, mesmo se tratando de alimentos saudáveis e nutritivos, não pode ser exagerado, principalmente para quem está de dieta. Além disso, existem frutas como a manga e o abacate que, embora saudáveis, são muito calóricas e devem ser ingeridas sem excesso.

Apesar dos inúmeros benefícios do consumo de frutas, outro cuidado que deve-se ter em relação às frutas é a lavagem. Em geral, comemos as frutas cruas e isso requer o dobro de cuidado na hora da lavagem, segundo recomendações do Ministério da Saúde.

Para adaptar o seu cardápio e incluir a quantidade de frutas necessárias para uma dieta saudável, a dica é consultar um nutricionista. E para quem ficou com água na boca só de falar do assunto, abaixo segue uma receita rápida, prática e muito saborosa.
 
Receita de Salada de Frutas

Ingredientes:

Meio mamão papaia
Meio melão
1 banana
1 maçã
10 morangos
1 xícara de aveia em flocos
2 potes de iogurte desnatado
Açúcar mascavo a gosto
 
Fonte: www.dicasdemulher.com.br

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

ANOTE A DICA

A dica de hoje é uma dica para cabelos, melhor dizendo, são cinco dicas muito úteis para quem tem cabelos oleosos ou muito oleosos.

Quem tem os cabelos muito oleosos sabe que é muito difícil manter a boa aparência, os cabelos gordurosos facilmente ficam sujos (oleosidade atrai poeiras, sujidade) e ficam "colados" com um aspeto "empapado".
A oleosidade capilar é um problema que afeta muita gente e por isso o Util Dicas resolveu ajudar mulheres e homens na luta contra os cabelos oleosos.

Infelizmente não existe um remédio milagroso para acabar com os cabelos oleosos, o que se pode fazer é utilizar algumas dicas de forma a se conservar o couro cabeludo e os cabelos o menos gordurosos possíveis.
Com estas cinco dicas, você saberá como controlar a oleosidade do cabelo e os seus cabelos terão uma aparência de cabelos bem tratados.

5 Dicas para cabelos oleosos:

Dica n°1: Lavar os cabelos oleosos com água morna.
Lave sempre os cabelos com água morna (água tépida), entre 20 a 23 graus. A temperatura da água é muito importante pois a água muito quente estimula a oleosidade capilar. A melhor forma de tirar a oleosidade do cabelo sem estimular a oleosidade capilar é lavar os cabelos com água morna.

Dica n°2: Use shampoo para cabelos oleosos de forma alternada.
Na hora de lavar o seu cabelo, claro que você deve usar shampoo (xampu, champô) próprio para cabelos oleosos. O uso regular (uso constante) desse tipo de xampus resseca muito o couro cabeludo e os cabelos, por conseguinte, vai desencadear-se uma estimulação de oleosidade capilar para proteger os fios capilares. Por esse motivo deve-se usar um xampu para cabelos oleosos mas de forma alternada. Alterne o shampoo para cabelos oleosos com um shampoo que tenha um PH neutro. Se tiver de lavar os seus cabelos diariamente (cabelos extremamente oleosos), 1 dia lave com o shampoo para cabelos oleosos e nos 2 dias seguintes lave com o shampoo neutro.

Dica n°3: Não use shampoo 2 em 1.
Quem tem o couro cabeludo e os cabelos oleosos não deve usar os xampus popularmente conhecidos como xampu 2 em 1 (xampu/champô e condicionador/amaciador). Não deve usar este tipo de shampoo porque o amaciador ou condicionador não deve ser usado no couro cabeludo nem nas raízes do cabelo como veremos na dica que se segue.

Dica n°4: Use amaciador somente em cabelos compridos e nas pontas.
O amaciador ou condicionador só deve ser aplicado nas pontas dos cabelos e se você tiver cabelos compridos.

Dica n°5: Deixe o cabelo secar naturalmente.
A forma como se seca o cabelo pode ajudar a controlar a oleosidade do cabelo. A melhor maneira é deixar o seu cabelo secar ao ar (secar de forma natural).
Se tiver de usar um secador, use o secador a frio ou com o "vento" e "calor" no mínimo.
Tal como a temperatura da água, a temperatura do calor expelido pelo secador também é importante, a alta temperatura provocará estimulação da oleosidade capilar.
 
Fonte: utildicas.blogspot.com.br

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

PROGRAMA BOM DIA FAMÍLIA: MOMENTO SAÚDE

PREVENÇÃO DE DOENÇAS

Temos ouvido falar muito em “surtos de doenças”, centenas de pessoas infectadas..... E, um dos atos mais simples para evitar e prevenir doenças, é ato de lavar as mãos. Higienizar as mãos frequentemente e da maneira correta é uma das principais formas de evitar inúmeras doenças. São as mãos que nos ajudam em todas as tarefas, inclusive na preparação dos nossos alimentos. Mãos sujas são o paraíso das bactérias. Diarreia, hepatite, gripe e infecções intestinais são algumas das doenças que podem ser evitadas pelo simples hábito de lavar as mãos. A água e sabão são capazes de prevenir doenças que ainda hoje causam milhões de mortes em todo o mundo.

É uma forma econômica de manter a saúde, acessível a todos. É importante lavar as mãos antes e depois das refeições, após as idas ao banheiro, ao chegar da rua e depois do contato com objetos sujos como o dinheiro, por exemplo. Como tocamos com as mãos, diariamente, superfícies sujas, com inúmeros tipos de bactérias, estamos sujeitos a uma enorme quantidade de infecções. Levar as mãos sujas aos olhos, à boca ou ao nariz, pode facilmente provocar problemas de saúde.

Forma correta de lavar as mãos:

- Usar água correte e sabonete;

- Lavar bem as palmas das mãos, parte de cima dos dedos, embaixo das unhas, nos punhos;

- Enxaguar bem até eliminar toda a espuma;

- Secar bem em toalha limpa ou papel toalha;

- Usar álcool gel sempre que necessário.

No caso de “surtos”, devemos também evitar locais fechados, aglomerações, comer e beber fora de casa. Melhor ficar em casa até que a situação normalize.

A água também é uma fonte “inesgotável” de microorganismos, se não tratada, é claro. Quando a água não é tratada, mesmo sendo de mina, de origem conhecida, deve ser filtrada e fervida. Nunca tomar água direto da torneira. Como falamos, são “microorganismos”, não podemos vê-los sem auxílio de microscópio.

Os alimentos devem ser bem cozidos e no caso de frutas, verduras e legumes consumidos crus, devem ser bem lavados, deixados em solução de hipoclorito de sódio (HIDROSTERIL) para evitar contaminações.

Manter a casa limpa e arejada, inclusive quintais e animais,é de grande importância para evitar doenças. O acúmulo de “sujeira” favorece a proliferação de fungos, bactérias que são nocivos à saúde. Animais também podem ser transmissores, por isso devem ser mantidos limpos e tratados.

E sempre, no caso de algum sintoma como febre inesperada, dores, inchaços, procurar atendimento médico.

PROGRAMA BOM DIA FAMÍLIA: ANOTE A DICA

Como cozinhar arroz integral

O arroz integral (de cor castanha, devido ao facto de não lhe ser removida a película) não se pode cozinhar como o arroz comum.
Devido a ter a película, se você o cozer como coze o arroz comum ele ficará duro.

Normalmente este arroz deve ser cozinhado numa panela de pressão para que fique "mole".
A dica que vos deixo, é como cozinhar o arroz integral, sem usar a panela de pressão.
O arroz integral cozinhado desta forma, ficará "bem cozinhado" e você não precisará usar a panela de pressão. Aqui fica:

Como cozinhar o arroz integral:

1) DEMOLHAR O ARROZ INTEGRAL (colocar de molho de um dia para o outro ou colocar de molho umas horas antes de ser cozinhado, mínimo 3 horas).

2) Depois de demolhado, escorra o arroz e "toste-o", sem queimar, numa panela seca e sem nada (nenhuma gordura, azeite, óleo, etc.).

3) Por cada chávena de arroz ponha 2 chávenas de água a ferver e tempere a gosto (azeite, sal, etc.).

4) O arroz integral estará pronto em cerca de 17 minutos. Se gostar dele mais cozido deixe-o estar mais tempo.

Pronto. Simples não?

Fonte: utildicas.blogspot.com.br

PROGRAMA MANHÃ SERTANEJA: MEMÓRIA SERTANEJA

CHICO AMADO E XODÓ

Nascidos no interior de São Paulo, Chico Amado (Pirajuí-SP) & Xodó (Lins-SP) já soltavam a voz desde a adolescência, mas contavam com uma grande influência da música, que vinha de tios e primos cantores que tocavam em bares e festas da região. O avô era sanfoneiro e desta veia musical que veio o dom e o talento.
O pai resolveu mudar com a família para Sumaré para que ficassem mais próximos dos grandes centros e das grandes rádios. Assim a carreira da dupla poderia decolar.
Em 1991, a dupla lançou um trabalho gravado em vinil. Sem empresário, o projeto nasceu com poucas chances de repercussão no mercado, forçando a dupla deixar o sonho para mais tarde.
Disposto a não abandonar a música, Chico Amado se dedicou ao trabalho de compositor, buscando inspirações em suas raízes simples do interior. E foi através desta simplicidade típica que escreveu grandes composições, que com rimas simples e frases curtas, suas músicas ficaram gravadas na cabeça do público.
Já consagrado e reconhecido no meio artístico, Chico Amado assinou as 14 faixas e emplacou de cara o sucesso nacional que levou nome do disco “Tá bombando”, que em 2006, marcou sua volta no cenário musical.
Depois do grande sucesso “Tá bombando”, a dupla Chico Amado & Xodó marcaram a sua volta definitiva no ranking das grandes duplas sertanejas.

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

PROGRAMA BOM DIA FAMÍLIA

RIR É O MELHOR REMÉDIO
 
Cada vez que você ri sente – se relaxado por no mínimo 45 minutos, já que o corpo reage á gargalhada liberando endorfina, uma substância que promove o bem estar.

Manda sua dor temporariamente embora, pois a produção de serotonina é acelerada.

Ela funciona como uma espécie de analgésico natural sem prescrição ou efeitos colaterais.

Seu coração fica mais forte.

Estudos recentes da universidade de Maryland, em Baltimore ( EUA ) indicam que rir com frequência pode diminuir em até 40% as chances de um problema cardíaco.

Os pulmões ficam mais limpos, já que a risada exige melhor ventilação pulmonar, eliminando assim o dióxido de carbono e vapores residuais do órgão, deixando – o muito mais saudável.

O sistema imunológico se fortalece.

De acordo com cientistas da universidade de Loma Linda na California ( EUA ) a gargalhada faz aumentar a produção e atividade no corpo das chamadas células nk ( natural killers ou assassinas por natureza em português ) apesar do nome assustador elas só fazem bem ao organismo, já que destroem vírus e até tumores.

Sua digestão melhora pois o movimento muscular acelera o sistema gastrointestinal, o que contribui para a beleza da pele e cabelos.

PROGRAMA BOM DIA FAMÍLIA: ANOTE A DICA

Dicas para gerir o orçamento pessoal
 
Dica 1:
Gaste menos do que você ganha.

Dica 2:
Corte nos gastos supérfluos, gastos com coisas que você não tem imensa necessidade.

Dica 3:
Tenha um controle mensal dos seus gastos - elabore uma lista com todas as suas despesas.

Dica 4:
Dedique tempo para fazer planeamento financeiro - reserve um período na sua agenda para se organizar financeiramente.

Dica 5:
Faça uma lista de compras antes de ir ao supermercado - com isso, você evita gastos extras e desnecessários.

Dica 6:
Controle as compras feitas com cartão de crédito.

Dica 7:
Evite o pagamento do cartão de crédito de forma faseada, lembre-se que o cartão de crédito têm juros elevados.

Dica 8:
Prefira o pagamento "à vista", em dinheiro.
Com esta opção de pagamento você poderá conseguir comprar alguns "objectos" com desconto, negociando com os respectivos vendedores.

Dica 9:
Em sua casa, tente adoptar o consumo "consciente".
Diminua o tempo dos banhos, desligue completamente os aparelhos (não deixar em Standby), etc.

Dica 10:
Antes de aderir a um financiamento, calcule bem as taxas de juros.
Agindo desta forma, você será capaz de discernir se é um bom negócio ou não.
 
Fonte: utilnet.blogspot.com