sábado, 28 de agosto de 2010

ESPORTE: Sem Ganso, Santos tenta começar vida nova

Ainda abalado pela grave contusão sofrida pelo meia Paulo Henrique Ganso na última quarta-feira, o Santos recebe o lanterna Goiás neste sábado, a partir das 18h30, no Pacaembu. Será um teste para o time santista, que precisa começar vida nova sem o seu maestro, pois ele só voltará a jogar no ano que vem.
Em princípio, o jogo deste sábado parecia sob medida para o técnico Dorival Júnior testar uma nova formação e dar oportunidade para o atacante Keirrison mostrar que está próximo de recuperar a boa forma, mas, com a perda de Ganso, os planos tiveram que ser mudados.
"Tenho três dúvidas. Ou entro com Zé Eduardo Keirrison e Neymar ou entro com mais um meia (Zezinho)", explicou Dorival Júnior, reconhecendo que o Santos terá de se adaptar à nova realidade na sequência do Brasileirão, apesar de manter o sonho de conquistar o título.
O que já está decidido é que Marquinhos vai ser o novo camisa 10 e principal articulador do time. Mas o próprio Dorival Júnior sabe que não há como substituir Ganso. "No País não temos nada que se assemelhe ao que Paulo Henrique vinha jogando nos últimos meses. Vamos ter grande dificuldade para superar a sua ausência. O mais provável é que tenhamos de mudar a maneira do time jogar", afirmou o treinador.
Fonte: Eldorado ESPN - Sanches Filho
Foto: Divulgação

OBESIDADE: O Brasil é um dos países líderes em ações políticas públicas de combate a esse distúrbio

JULIANA COSTA: O Congresso Internacional de Obesidade, no mês passado, na Suécia, reuniu os maiores especialistas no assunto e reconheceu o Brasil com um dos líderes mundiais em ações de prevenção à obesidade. Problema cada vez mais recorrente em toda a sociedade, a obesidade é motivo de preocupação, uma vez que sobrecarrega os sistemas de saúde, com atendimento a doenças como a diabetes tipo dois, doenças cardiovasculares e cânceres. Na última sexta-feira, após a divulgação da pesquisa do Instituto Brasileiro de Estatística e Geografia que mostra os níveis de obesidade da população brasileira, o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, detalhou o trabalho que está sendo desenvolvido no Brasil, com o objetivo de reduzir cada vez mais o número de brasileiros obesos ou acima do peso.
JOSÉ GOMES TEMPORÃO: "Primeiro, a importância da alimentação escolar: políticas que mudem radicalmente a oferta de alimentos nas escolas para crianças e adolescentes. Em segundo, a questão de saúde da família, onde a promoção da saúde e também um estímulo à atividade física nas escolas e fora das escolas é central. Em terceiro, a questão do aleitamento materno. O Brasil está melhorando muito o tempo, a qualidade do aleitamento materno e isso tem influência também na definição da possibilidade ou não de um futuro obeso ou com excesso de peso."
JULIANA COSTA: Ainda de acordo com o ministro da Saúde, o controle da propaganda de alimentos infantis é outra medida acertada para diminuir os índices de obesidade. Para os especialistas reunidos no Congresso Internacional de Obesidade, essas ações são exemplos a serem seguidos por diversos países ricos, como os Estados Unidos, por exemplo, onde dois terços da população está incluída na categoria dos obesos ou com excesso de peso. Apesar do reconhecimento internacional, o ministro José Gomes Temporão advertiu que o Brasil não pode se acomodar e os investimentos para combater a obesidade são essenciais.
JOSÉ GOMES TEMPORÃO: "O Brasil tem que qualificar, aperfeiçoar e trabalhar de maneira mais radical políticas de governo que envolvam toda a sociedade no enfrentamento deste que é um problema grave de saúde."
JULIANA COSTA: O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, lembrou que, no documento redigido ao final do Congresso Internacional de Obesidade, os especialistas declararam que, se outros países seguirem a direção tomada pelo Brasil, muitas outras boas notícias serão apresentadas nas próximas conferências sobre prevenção da obesidade. Junto com o Brasil, à frente nas iniciativas contra a obesidade, aparece, também, a Inglaterra.
Fonte: Agência RádioWeb - Reportagem, Juliana Costa

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

SAÚDE DO HOMEM: Um ano do programa confirma que quem se cuida tem vida longa e com qualidade

CYNTHIA RIBEIRO: Homem que se cuida, não perde o melhor da vida! Esse é o lema da Política Nacional de Saúde do Homem do Ministério da Saúde que completa um ano de lançamento nesta sexta-feira, dia vinte e sete de agosto. A política tem, entre outros objetivos, mostrar que ir ao médico com regularidade não é só coisa de mulher e de criança. Dados oficiais revelam que os homens morrem mais cedo, justamente porque não procuram o médico para prevenir doenças. O diretor do Departamento de Ações Programáticas e Estratégicas do Ministério da Saúde, José Luiz Telles, explica que desde o lançamento do programa, em agosto do ano passado, essa nova mentalidade vem ganhando o País.
JOSÉ LUIZ TELLES: "Houve uma adesão muito positiva por parte dos municípios, dos estados. O ganho é esse são as secretarias municipais e estaduais aderindo a proposta de organização dos seus serviços para que os homens possam ser melhor acolhidos e eles tenham uma dinâmica maior de auto-cuidado."
CYNTHIA RIBEIRO: José Luiz Telles enfatiza que essa política mexe com uma mudança cultural do homem brasileiro, que já tem o costume de não ir ao médico e de se envolver em situações de risco. Segundo ele, é difícil,em apenas um ano, mudar a mentalidade de toda a população masculina. No entanto, o desenvolvimento de um trabalho com esse objetivo já é uma conquista.
JOSÉ LUIZ TELLES: "O homem fuma mais, o homem bebe mais, o homem é mais sedentário, o homem se expõe mais às situações de risco, principalmente, as situações de violência, portanto, esse âmbito mais geral não muda em um ano. Entretanto, quando nós chamamos a atenção para esses aspectos, há uma possibilidade maior de adesão ou pelo menos de reflexão das pessoas do sexo masculino em relação a sua própria saúde."
CYNTHIA RIBEIRO: O diretor do Departamento de Ações Programáticas e Estratégicas do Ministério da Saúde ressalta que o desafio de chamar atenção dos homens para os cuidados com a saúde vai continuar por todo o País. A idéia é mobilizar cada vez mais secretarias de saúde para que elas acolham de forma adequada os homens nos serviços médicos e façam campanha de conscientização locais.
Fonte: Agência RádioWeb - Reportagem, Cynthia Ribeiro

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

ESPORTE: Renato Gaúcho pede calma e vê evolução no Grêmio

Depois de ver o Grêmio perder de virada para o Santos, por 2 a 1, na última quarta-feira à noite, no Olímpico, com um gol sofrido nos acréscimos do tempo normal, o técnico Renato Gaúcho pediu calma aos jogadores da equipe e acredita que o time apresentou crescimento em relação às rodadas passadas do Campeonato Brasileiro.
Ao mesmo tempo, porém, o treinador admitiu que o Grêmio acabou sendo derrotado por causa de vacilos que não poderia cometer. "A gente não pode entrar no desespero. Não acabou o primeiro turno ainda. Lógico que a situação não é boa, mas o que posso falar é que notei muita evolução. A equipe se entregou, jogou bem. Cometemos erros primários, infantis, pagamos pelos erros, mas ninguém pode falar que (o time) não lutou, que não brigou", ressaltou.
Renato Gaúcho lamentou o fato de a sua equipe não ter aproveitado as chances que teve de ampliar o placar quando vencia por 1 a 0 e depois ter sofrido o último gol aos 48 minutos da etapa final. "Saímos ganhando, tivemos oportunidades de fazer o segundo gol. No segundo tempo, o Santos cresceu, fez o gol, teve a chance no outro pênalti (desperdiçado por Neymar) e no final do jogo tomamos o gol quando a gente não esperava mais", reforçou.
O comandante ainda previu uma melhora do Grêmio no decorrer do Brasileirão, pois acredita na qualidade do plantel que tem em mãos. Além disso, ele vê o time atrapalhado por uma maré de azar. "Temos elenco. Se melhorou na parte tática, e melhorou muito, vai melhorar no resto. Não estamos com a sorte que os adversários estão tendo contra nós", enfatizou.
O discurso de Renato, por sua vez, esteve alinhado com o dos dirigentes do Grêmio após o confronto no Olímpico. "Confio demais no Renato, confio demais nesse grupo de jogadores. A fase é terrível, tomamos um gol no último minuto, mas isso vai passar", afirmou o presidente do clube, Duda Kroeff.
O assessor de futebol do Grêmio, Alberto Guerra, também lamentou a fase ruim do time. "Eu vi evolução na postura da equipe, na criação das jogadas, o Grêmio tem feito gol. Só tem que corrigir alguns erros e ter um pouco mais de sorte para que a gente possa sair com resultados melhores", disse.
Fonte: Eldorado ESPN - AE
Foto: Divulgação

TUBERCULOSE: Brasil terá teste rápido para diagnóstico da doença

CYNTHIA RIBEIRO: Nos próximos meses, o brasileiro vai contar com um teste rápido para diagnosticar casos de tuberculose. O novo método faz parte de um pacote que vai aprimorar a prevenção e o tratamento da tuberculose no Brasil. A Fundação Bill Gates vai doar três milhões de dólares ao Brasil para que o projeto seja executado. Os recursos vão ser usados para acelerar o desenvolvimento de novas tecnologias no combate à doença. O coordenador do Programa Nacional de Controle da Tuberculose do Ministério da Saúde, Dráurio Barreira, explica que o tempo para diagnosticar a tuberculose vai diminuir de forma considerável com o novo teste.
DRÁURIO BARREIRA: "É importante destacar principalmente a inovação tecnológica que ele apóia. Com esse recurso, nós passaremos a validar o teste que permite a detecção do bacilo, o agente causador da doença, em uma hora e meia, e, ao mesmo tempo, saber se ele é resistente ou não aos medicamentos da tuberculose."
CYNTHIA RIBEIRO: Atualmente, o resultado do teste pode demorar até sessenta dias para ficar pronto. O dinheiro doado também vai agilizar a produção nacional do medicamento quatro em um contra a tuberculose. Segundo Dráurio Barreira, esse novo esquema terapêutico diminui de nove para um a quantidade de remédios que o paciente tem que tomar, reduzindo as chances de resistência do bacilo ao medicamento e o abandono do tratamento.
DRÁURIO BARREIRA: "Desde o final do ano passado já começamos a implantar em todo País o novo esquema de tratamento e hoje já temos todo país utilizando as novas drogas. O que é inovador nesse sentido é a produção nacional desses medicamentos porque hoje ele ainda é importado do exterior."
CYNTHIA RIBEIRO: Dráurio Barreira acrescenta que a parceria com a Fundação Bill Gates também prevê uma cooperação técnica internacional. De acordo com o coordenador do Programa Nacional de Controle da Tuberculose, o governo brasileiro se comprometeu a fornecer o medicamento quatro em um nacional para os países da América do Sul e sul-africanos de língua portuguesa, seja por meio de doações, seja por meio de venda subsidiada.
Fonte: Agência RádioWeb - Reportagem, Cynthia Ribeiro

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

ESPORTE: Antes de jogo, Ronaldinho agradece Barcelona em carta

Antes de enfrentar o Barcelona pela 45.ª edição do Troféu Joan Gamper, no estádio Camp Nou, casa do time espanhol, nesta quarta-feira, o meia-atacante Ronaldinho Gaúcho, do Milan, resolveu agradecer publicamente ao ex-clube pelo carinho que recebeu durante os cinco anos em que vestiu a camisa da equipe espanhola.
Em carta aberta, reproduzida nesta terça-feira pelo site oficial do Barcelona, o brasileiro lembrou que será um grande prazer retornar ao local onde se consagrou como grande jogador do futebol mundial.
"Como todos sabem, não tenho o costume de falar muito e também não gosto de despedidas, mas quero aproveitar esta ocasião para agradecer por tudo o que vivemos junto ao longo de cinco temporadas que estive defendendo a camisa do Barcelona. Com certeza foram os melhores anos de minha vida profissional e pessoal. Creio, sinceramente, que desfrutamos muito durante o tempo em que estivemos juntos", ressaltou Ronaldinho, no início da carta ao Barça.
Em seguida, o jogador disse que prefere não acreditar que este jogo será uma espécie de despedida do Camp Nou e dos torcedores do Barcelona. "Prefiro pensar que este será um reencontro entre amigos e, porque não, o reencontro de uma velha amizade e de uma antiga relação", enfatizou.
Ao final da carta, Ronaldinho faz um agradecimento especial a Sandro Rosell, presidente do Barcelona, que foi o responsável pela contratação do jogador quando o craque estava atuando pelo Paris Saint-Germain, da França. "Voltar para o Camp Nou é muito especial para mim. Sempre será um dos meus estádios de futebol preferidos, onde desfrutei muito e acredito que fiz todos os torcedores do Barça desfrutarem. Um abraço muito sincero a todos os barcelonistas e, em especial, um ao Sandro Rosell", encerrou.
Fonte: Eldorado ESPN - AE
Foto: Luca Bruno/AP

ESPORTE: São Paulo busca reação na despedida de Sérgio Baresi

Mais do que os três pontos, o São Paulo busca no jogo contra o Vasco, nesta quarta-feira, a partir das 22 horas, no Morumbi, a volta da paz e da dignidade. Jogadores, dirigentes e torcedores são unânimes em afirmar que a derrota para o Corinthians na última rodada foi um dos maiores vexames da equipe no ano. Por isso, nada melhor do que uma vitória convincente.
Mas, independente do resultado desta quarta-feira, o técnico interino Sérgio Baresi dará adeus ao time profissional. Na quinta, ele deve voltar ao CT de Cotia, para comandar os garotos da base e tentar revelar novos talentos. A promessa da diretoria são-paulina é de que até sábado um novo treinador chegue e já assuma o comando do time. O grande obstáculo para a permanência de Sérgio Baresi no comando do São Paulo é sua falta de experiência. Embora a diretoria mantenha discurso oficial de que o interino não tem culpa pela fase atual, os dirigentes também admitem que ele não conseguiu acrescentar muito para que o time possa dar a volta por cima.
Antes do jogo com o Vasco, Sérgio Baresi fez treinamentos em campo reduzido com 13 jogadores no time titular. Assim, ainda não escolheu os 11 que entram em campo nesta quarta-feira, mas tem uma certeza: o meia Marlos não estará entre eles. O jovem Marcelinho, Fernandinho e Richarlyson disputam uma vaga no time - a vantagem está com o primeiro.
Se perder, o São Paulo pode terminar a rodada na zona de rebaixamento, o que tanto dirigentes quanto o técnico interino não classificam como grande catástrofe no momento. A pressão, no entanto, só ganharia argumentos para aumentar. "A vitória é fundamental para o São Paulo", admitiu Sérgio Baresi. "O clube está em situação complicada."
FOnte: Eldorado ESPN - AE
Foto: Tiago Queiroz/AE

ALERTA: Crianças que usam sandálias de salto alto podem ficar com pé deformado

GISELE DAEMON: A cada dia é mais comum encontrarmos sapatos com salto alto feitos para crianças. A indústria de calçados apresenta mais e mais opções, com cores, acessórios, personagens e ídolos, que encantam a criançada. Só que, os médicos advertem: o uso do salto antes da completa formação óssea prejudica e danifica principalmente os pés. Segundo o coordenador do Centro da Criança e do Adolescente do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia, Pedro Henrique Mendes, antes da adolescência, a estrutura óssea da criança ainda está em formação e se comporta de maneira elástica. Por isso, o salto alto, ainda que pequeno, não é recomendado.
PEDRO HENRIQUE MENDES: "Na verdade, os adultos de uma maneira geral não deveriam já usar os saltos que usam. A sociedade norte-americana recomenda que, no máximo, os saltos das mulheres sejam de duas polegadas e um quarto, o que seria mais ou menos os nossos cinco centímetros. Então, na verdade, a criança só deveria usar sapato com salto quando ela estivesse na adolescência, ao fim do crescimento."
GISELE DAEMON: O médico Pedro Henrique Mendes explica como o salto é uma agressão aos pés da criança.
PEDRO HENRIQUE MENDES: "Toda vez que você eleva o salto do sapato, você transfere o peso do corpo pra frente do pé. Somado a isso, se você ainda tem a frente do calçado mais afunilada ou mais apertada, você tende a machucar, a danificar os ossos do pé com o tempo."
GISELE DAEMON: Apesar das recomendações citadas pelo coordenador do Centro da Criança e do Adolescente do INTO, muitas crianças usam, desde cedo, o salto nas sandálias, sapatos e até chinelos. É o caso de Laura, de sete anos. Ela conta como escolhe os sapatos de salto que tem em casa.
LAURA: "Eu vou na loja, aí eu olho, eu vejo qual é assim o mais barato; eu olho, coloco no pé, vejo se eu sei andar, daí eu uso."
GISELE DAEMON: E assim como Laura, várias meninas também usam o salto alto no dia a dia. Elas se inspiram nas mães, em personagens e ídolos da TV, como a pequena Suri, filha do astro de Hollywood, Tom Cruise. Segundo o coordenador do Centro da Criança e do Adolescente do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia, Pedro Henrique Mendes, o ideal é segurar os impulsos da garotada até que estejam prontas.
Fonte: Agência RádioWeb - Reportagem, Gisele Daemon

ESPORTE: Leco admite preferência do São Paulo por Autuori

A diretoria do São Paulo deu indícios nesta terça-feira de que Paulo Autuori é o preferido para assumir o comando da equipe. O vice-presidente de futebol do clube, Carlos Augusto de Barros e Silva, mais conhecido com Leco, evitou ser enfático, mas elogiou a primeira passagem do técnico pelo clube.
Além disso, Leco lembrou que Autuori só deixou o São Paulo porque esse foi o seu desejo no final de 2005. "Esse homem tem um histórico maravilhoso no São Paulo e só saiu porque quis", disse, em entrevista ao SporTV, sobre o técnico campeão da Libertadores e do Mundial de Clubes em 2005.
Após o título mundial, Autuori deixou o São Paulo se transferiu para o Kashima Antlers, do Japão. Depois, dirigiu, sem sucesso, Cruzeiro e Grêmio, e agora está no comando do Al-Rayyan, do Catar.
O dirigente ressaltou que o São Paulo está à procura de um técnico renomado para dirigir a equipe. "Tem que ser um técnico com autoridade, no conceito disciplinador, apesar de não termos problemas de transgressões. Um nome experiente", explicou Leco.
Com o São Paulo apenas na 15.ª colocação, o dirigente admitiu que o risco de rebaixamento da equipe no Campeonato Brasileiro preocupa. "Temos que tratar de fugir disso logo, sair desse sufoco. E depois tratar de lutar para entrar no G4, que é o nosso objetivo", comentou.
Fonte: Eldorado ESPN - AE
Foto: Marcos D Paula/AE

SONO: Quem dorme pouco pode ter problemas de memória e tem mais tendência a engordar

JULIANA COSTA: Que uma boa noite de sono faz bem à saúde todo mundo já sabe, mas pesquisas recentes apontam que dormir bem também ajuda a ter uma boa memória. Os estudos ainda revelam que quem não dorme bem pode acabar engordando, já que existe uma relação direta entre o sono e o metabolismo das pessoas. Por isso, o professor da Universidade do Paraná e doutor em neurociência, Fernando Louzada, afirma que as pessoas devem se preocupar com a qualidade do sono.
FERNANDO LOUZADA: "Os estudos dos últimos anos têm apontado é que o sono também é muito importante para a consolidação daquilo que a gente aprende, a formação dos nossos arquivos de memória. Então, dormir bem significa a garantia também da consolidação da aprendizagem. Além disso, tem vários estudos mostrando que as alterações de sono estão associadas a mudanças no metabolismo do corpo, que pré-dispõe as pessoas a um aumento de peso. Então quanto menos a gente dorme, maior tendência a gente tem a engordar. Então a gente tem excelentes motivos para nos preocupar com a qualidade do nosso sono."
JULIANA COSTA: Fernando Louzada lembra que é importante dormir em média oito horas por noite. Ele explica que alguns hábitos simples podem ajudar a ter uma boa noite de sono.
FERNANDO LOUZADA: "Tem algumas medidas, que a gente chama de higiene de sono que ajudam a gente ter uma melhor qualidade de sono. Desde a manutenção de um ambiente adequado, silencioso, com uma cama confortável, evitar a ingestão de alimentos que têm estimulantes, no final do dia, como a cafeína, evitar exercícios, atividades físicas intensas nas horas próximas do horário de sono."
JULIANA COSTA: O professor da Universidade do Paraná e doutor em neurociência, Fernando Louzada, acrescenta que aquelas pessoas têm dificuldade para dormir ou que sofrem de insônia devem procurar ajuda médica para descobrir a causa do problema e tratá-lo de maneira correta.
Fonte: Agência RádioWeb - Reportagem, Juliana Costa

terça-feira, 24 de agosto de 2010

ESPORTE: Márcio e Ricardo levam prata em etapa do vôlei de praia

A dupla brasileira Márcio e Ricardo ficou com a medalha de prata na etapa da Aland, na Finlândia, do Circuito Mundial de vôlei de praia. Neste domingo, a parceria passou pelas semifinais, mas foi derrotada na decisão pelos norte-americanos Rogers e Dalhausser, atuais campeões olímpicos, por 2 sets a 1 (24/22, 10/21 e 15/13), em quase uma hora de jogo.
Apesar do revés, a dupla preferiu ressaltar o equilíbrio da final. "Fizemos uma boa campanha nesta etapa. Jogamos bem contra os americanos e perdemos dois sets muito equilibrados. Estou satisfeito com nosso desempenho, e isso traz mais motivação, alegria e a certeza de que o trabalho está sendo bem feito", comentou Ricardo.
Para chegar à decisão, Márcio e Ricardo venceram antes a dupla da China formada por Xu e Wu. Com autoridade, os brasileiros precisaram de apenas 45 minutos para derrotar os chineses por 2 sets a 0 (21/19 e 21/16).
Nas areias finlandesas, o Brasil também foi representado na chave masculina por mais duas duplas. Benjamin e Bruno Schmidt ficaram na sétima posição, enquanto Pedro Solberg e Ferramenta terminaram no nono lugar.
Esta foi a penúltima etapa masculina do Circuito Mundial. A competição terá fim em Hague, na Holanda, onde a disputa começa a partir desta segunda-feira. No feminina, além da etapa holandesa, o torneio ainda segue para a China e termina na Tailândia.
Fonte: Eldorado ESPN - AE
Foto: Divulgação

ESPORTE: Polvo vira 'embaixador' de candidatura inglesa para Copa

O polvo Paul, que ficou famoso por "prever" com sucesso os vencedores de todas partidas disputadas pela Alemanha na última Copa Mundo, ganhou importância real na candidatura da Inglaterra para ser sede do Mundial de 2018. O molusco foi nomeado um dos "embaixadores" da campanha inglesa para abrigar a competição.
Além de "adivinhar" os ganhadores de todos os duelos da seleção alemã - por meio da brincadeira realizada dentro do aquário em que vive, em Oberhausen, na Alemanha, de se dirigir a uma das duas caixas com comida que exibiam bandeiras dos países envolvidos em jogos do torneio -, Paul "acertou" que a Espanha bateria a Holanda na decisão da Copa, assim como que os espanhóis iriam superar os alemães na semifinal.
Curiosamente, o polvo que virou celebridade foi eleito "embaixador" da candidatura inglesa à Copa de 2018 mesmo depois de ter "previsto" que a Alemanha bateria a Inglaterra nas oitavas de final do Mundial na África do Sul, onde os ingleses caíram por 4 a 1 diante dos alemães. Paul, porém, nasceu em um aquário na Inglaterra em 2008, para logo depois ser transferido para a Alemanha.
"Paul passou os últimos dois anos de sua vida na Alemanha, mas ele é definitivamente um orgulhoso inglês", brincou Nicola Hamilton, gerente da filial de Weymouth, na Inglaterra, do Sea Life Center, rede de aquários que abrigou o polvo pela primeira vez antes de transferi-lo para a sua sede em Oberhausen. "Tivemos alguns contatos ligados ao futebol pelo mundo, mas Paul só poderia escolher por sua terra natal", disse Hamilton em seguida.
E Paul ganhou a simpatia não apenas dos torcedores, mas também de jogadores e ex-atletas ingleses. Entre eles está o ex-atacante da Inglaterra, John Barnes, que aprovou a escolha do polvo como "embaixador". "Sem dúvida ele é um dos maiores nomes do futebol", exagerou.
Fonte: Eldorado ESPN - AE/AP
Foto: AP

CRIANÇAS: Comer em frente à TV desvia a atenção, prejudica a saúde e compromete o ambiente familiar

CYNTHIA RIBEIRO: Muitos pais apelam para a televisão, na hora de dar comida aos filhos. Às vezes, é difícil conseguir fazer os pequenos ficarem quietos e se sentarem à mesa, ainda mais, se for para comer verduras e legumes. Por isso, é comum encontrarmos mães, avós e babás que distraem a criança na frente da telinha para conseguir dar o almoço ou o jantar. Mas será que esse hábito é, realmente, saudável? A coordenadora da Política de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde, Ana Beatriz Vasconcelos, diz que não e faz um alerta:
ANA BEATRIZ VASCONCELOS: "Evitar que a criança assista televisão na hora de comer, que é muito comum, ah é para a criança se distrair, mais isso a preocupação com a alimentação cede espaço a outros estímulos que desviam a atenção da família e da criança desse processo. Por isso, que é importante às refeições da família. Por isso, que é importante manter essa disciplina com relação a horário da oferta de alimentos, para que a criança vá crescendo com esses hábitos bem formados."
CYNTHIA RIBEIRO: Ana Beatriz Vasconcelos explica que a hora da refeição deve ser um momento de convívio familiar e um espaço ideal para que a criança cresça com hábitos alimentares adequados. A enfermeira Jaqueline Bezerra foi educada dessa forma e sabe o quanto é importante os pais darem o bom exemplo aos filhos. Por isso, sempre incentivou a filha de oito anos a ter uma alimentação saudável e comer junto com a família.
JAQUELINE BEZERRA: "Aqui em casa a gente procura se alimentar bem, bastante salada, bastante verdura, procuramos sempre comer na mesa, com a família toda, nunca em frente da televisão para dar um bom exemplo para os filhos e tal, e minha filha adora uma salada, adora uma verdura porque foi acostumada desde pequena."
CYNTHIA RIBEIRO: Mas não é toda mãe que tem o mesmo cuidado de Jaqueline. A atendente Railane Alves, também tem um filho pequeno, mas passa o dia todo fora, no trabalho, e quando chega em casa:
RAILANE ALVES: "Aí eu já chego cansada, aí ele já não quer comer. Para evitar que ele chore ou alguma coisa assim, deixo ele comer na frente da televisão. Ele fica lá sentado, aí come tudo mas pelo menos me ajuda, né? Apesar que tira um pouco da atenção dele, da comida, tem que ficar toda hora chamando."
CYNTHIA RIBEIRO: O que acontece na casa de Railane é mais comum do que se imagina. Então, aí fica o alerta do Ministério da Saúde. Quem quiser mais informações sobre a alimentação das crianças pode acessar um guia on-line, que está disponível no endereço: www.saude.gov.br.
Fonte: Agência RádioWeb - Reportagem, Cynthia Ribeiro

ESPORTE: Brasil perde a 4.ª em preparação ao Mundial de basquete

A seleção brasileira masculina de basquete voltou a ser derrotada em sua preparação para o Mundial da Turquia. Após cair para Argentina, Espanha e França, o Brasil perdeu a quarta consecutiva ao ser superado neste domingo pela Austrália. Em amistoso disputado na cidade francesa de Lyon, a equipe perdeu por 72 a 69 para os australianos.
O jogo foi o primeiro após o corte do pivô Nenê por lesão, confirmado no sábado. Para o seu lugar, o técnico argentino Rubén Magnano convocou o também pivô JP Batista. Por outro lado, Magnano pôde contar neste domingo com as voltas do ala/pivô Anderson Varejão e do armador Marcelinho Huertas, que foram poupados na derrota para a França.
Apesar do novo revés, o Brasil dominou boa parte do jogo em Lyon. Com atuações convincentes de Huertas e Leandrinho, o time brasileiro foi para o intervalo vencendo por 26 a 22. No último quarto, porém, a seleção se desconcentrou, começou a errar muito e a Austrália aproveitou para passar à frente no placar, restando cerca de cinco minutos. Sem poder de reação, o Brasil não conseguiu mais ameaçar a vitória do rival.
Recuperado de uma tendinite no joelho, Huertas liderou o time de Magnano, com 17 pontos, e foi também o cestinha da partida. Leandrinho contribuiu com 15 pontos e Varejão foi importante no garrafão, com nove rebotes e três pontos, assim como Tiago Splitter, que anotou nove pontos e cinco rebotes.
O Brasil ainda vai disputar mais dois amistosos em Lyon antes da estreia no Mundial, no próximo sábado. Nesta segunda-feira, a equipe encara a Costa do Marfim, às 13 horas (de Brasília). Na terça, às 15h30, o time volta a enfrentar a anfitriã França. Na Turquia, o primeiro jogo será contra o Irã.
Contratado com a missão de levar o Brasil a uma boa campanha no Mundial, Magnano chegou a conquistar bons resultados em seus primeiros jogos à frente da seleção, com vitórias sobre Venezuela, Angola e China. No entanto, se contabilizada também uma partida de demonstração contra Porto Rico, a equipe já acumula cinco derrotas seguidas.
Fonte: Eldorado ESPN - AE
Foto: Divulgação

QUEIMADURAS: Alternativas caseiras para aliviar a dor podem piorar o ferimento, alerta especialista

CYNTHIA RIBEIRO: Acidentes caseiros envolvendo queimaduras na pele são mais comuns do que se imagina. Quem não conhece alguém que já se machucou no fogão ou no ferro de passar roupas, ao manipular alguma vasilha quente ou água fervendo? Mas pior que a queimadura é o que as pessoas costumam passar para aliviar a dor e curar o ferimento. Na lista de remédios "milagrosos", manteiga, pasta de dente, vinagre, pomadas caseiras, enfim, são várias as alternativas populares usadas no momento da dor. Atitude que não é indicada, como alerta o cirurgião plástico Luiz Macieira Junior, chefe do Centro de Tratamento de Queimados do Hospital Federal do Andaraí, no Rio de Janeiro.
LUIZ MACIEIRA JUNIOR: "Nós não devemos, em hipótese alguma, aplicar produtos caseiros sobre a queimadura, como, por exemplo, pasta de dente, pó de café, porque esses produtos para serem retirados na hora da avaliação da queimadura, vão provocar mais dor ainda, além de mascarar o verdadeiro aspecto da ferida."
CYNTHIA RIBEIRO: O médico Luiz Macieira Junior explica que, no caso de uma queimadura, é essencial que os primeiros socorros sejam feitos de forma correta, antes de o paciente procurar um hospital.
LUIZ MACIEIRA JUNIOR: "Uma queimadura seja ela de que grau for, o primeiro cuidado que deve ser tomado deve ser o alívio da dor, e como se obtém isso: aplicando compressas frias, toalhas embebidas em água fria em cima da queimadura. Isso promove um alívio imediato da dor, a partir daí, a paciente vai ser encaminhada a um posto médico, a um hospital, para receber as orientações sobre analgésico, sobre outras medicações."
CYNTHIA RIBEIRO: O cirurgião plástico Luiz Macieira Junior lembra que, depois do cuidado inicial, a pessoa deve procurar o centro de saúde mais próximo para que um profissional avalie a intensidade do ferimento. No caso de queimaduras mais graves, como as de segundo ou de terceiro grau, dependendo da área do machucado, é preciso que o paciente seja submetido a cirurgia, mas essa avaliação precisa ser feita por um médico
Fonte: Agência RádioWeb - Reportagem, Cynthia Ribeiro

ESPORTE: Wozniacki supera rodada dupla e é campeã em Montreal

A tenista dinamarquesa Caroline Wozniacki confirmou o favoritismo e conquistou o título do Torneio de Montreal, que distribuiu US$ 2 milhões em prêmios. Para isso, ela precisou enfrentar uma rodada dupla nesta segunda-feira, vencendo a semifinal e a final, pois os jogos programados para sábado e domingo foram adiados por causa da chuva na cidade canadense.
Primeiro, Wozniacki entrou em quadra nesta segunda-feira para a disputa da semifinal, que deveria ter acontecido no sábado. E venceu a russa Svetlana Kuznetsova por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/3. Pouco tempo depois, quase sem descanso, ela teve que voltar para fazer a final contra outra tenista da Rússia, Vera Zvonareva.
Zvonareva também disputou sua semifinal nesta segunda-feira, mas contou com o abandono da bielo-russa Victoria Azarenka no segundo set. Assim, não se desgastou tanto. Mas Wozniacki dominou completamente a final, que deveria ter acontecido no domingo, e derrotou a russa por 2 a 0, com parciais de 6/3 e 6/2, em 1 hora e 14 minutos de jogo.
Número 2 do mundo, Wozniacki chegou ao nono título de sua carreira, sendo o terceiro nesta temporada - venceu também em Ponte Vedra e Copenhague. E, com essa conquista em Montreal, a dinamarquesa de 20 anos aumentou seu favoritismo para a disputa do US Open, o último torneio do Grand Slam, que começa na semana que vem, em Nova York, nos Estados Unidos.
Fonte: Eldorado ESPN - AE
Foto: Paul Chiasson/AE

IDOSOS: Especialista recomenda rigoroso controle do sal e de alimentos que dificultam mastigação

GISELE DAEMON: Ao atingir a terceira idade, as pessoas precisam adotar algumas mudanças nos hábitos alimentares para evitar incômodos e até riscos mais sérios à saúde. Como nessa idade os ossos ficam mais frágeis, o reforço no cálcio na alimentação é de extrema importância para evitar problemas como a osteoporose. Alimentos muito duros ou de difícil mastigação também devem ser evitados. A coordenadora de nutrição do Ministério da Saúde, Ana Beatriz Vasconcelos, explica o que é necessário observar nessa fase de vida.
ANA BEATRIZ VASCONCELOS: "A gente precisa ta sempre acompanhando a oferta de cálcio na refeição, a oferta de leite, de laticínios. A gente tem que estar preocupado com isso. Tem que acompanhar a consistência da alimentação, porque muitas vezes o idoso vai tendo problemas com a mastigação e ele acaba recusando a alimentação quando ele sente muita dificuldade de mastigar. A oferta de água também ser garantida, porque também, às vezes tem mais dificuldade de identificar a sede."
GISELE DAEMON: De acordo com a coordenadora de Nutrição do Ministério da Saúde, outro item que deve ser cuidadosamente dosado na alimentação das pessoas idosas é o sal, por causa da hipertensão.
ANA BEATRIZ VASCONCELOS: "A hipertensão é uma doença muito prevalente. À medida que as pessoas envelhecem a pressão sanguínea aumenta. É uma condição que existe, então o controle do sal, também, na dieta é importante."
GISELE DAEMON: Ana Beatriz Vasconcelos ressalta a importância da atenção que a família do idoso deve ter com ele. Toda família que tem um idoso em casa e cuida dessa pessoa deve ficar atenta. Muitas vezes, eles não falam sobre as dificuldades que estão sentindo e, por isso, todos os sinais devem ser observados com atenção.
Fonte: Agência RádioWeb - Reportagem, Gisele Daemon

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

ESPORTE: Brasileiro leva ouro nos Jogos Olímpicos da Juventude

O paulista Caio Cézar Fernandes conquistou na madrugada deste domingo (pelo horário de Brasília) a primeira medalha do Brasil nos Jogos Olímpicos da Juventude, em Cingapura. Ele ficou com o ouro na prova do salto em distância, com a marca de 7,69 metros.
A vitória de Caio teve uma coincidência histórica: aconteceu exatamente dois anos depois do ouro de Maureen Maggi na mesma prova na Olimpíada de Pequim.
Caio errou os dois primeiros saltos, mas assumiu a liderança ao cravar 7,58 metros no terceiro. Foi ultrapassado pelo japonês Sho Matsubara, que fez 7,65 metros, mas conseguiu a marca de 7,69 metros na última tentativa, que lhe valeu o ouro. "Quando marquei 7,58 m no terceiro salto, assumi o controle, vi que podia disputar o título", explicou.
Esse foi o principal resultado da carreira de Caio até o momento. Seu maior feito era o quarto lugar no Campeonato Mundial Juvenil no Canadá, em 2009.
Fonte: Eldorado ESPN - AE
Foto: Divulgação

ALIMENTAÇÃO: Do leite materno à papinha. Bebês têm necessidades específicas em cada fase da vida

GISELE DAEMON: Para cada fase da vida de um bebê, é recomendado um tipo de alimentação específica. De acordo com a coordenadora de Nutrição do Ministério da Saúde, Ana Beatriz Vasconcelos, nos primeiros seis meses de vida, o bebê deve ser alimentado, exclusivamente, com o leite materno. Depois dessa fase, alimentos variados devem ser adicionados às refeições.
ANA BEATRIZ VASCONCELOS: "A partir dos seis meses, o organismo da criança já está preparado para receber alimentos diferentes do leite materno, que são os chamados alimentos complementares. Quer dizer, você continua mantendo a oferta do leite materno até os dois anos de idade, mas você vai ter que complementar esse leite materno com alimentos diferentes pra que a criança consiga completar sua dieta, do ponto de vista nutricional. Quer dizer, ter o aporte necessário de proteínas, de micronutrientes, ferro, vitamina A, enfim, de todos os elementos que são importantes pro seu desenvolvimento."
GISELE DAEMON: De acordo com Ana Beatriz Vasconcelos, feijão, arroz, carne e legumes cozidos devem fazer parte da alimentação do bebê, a partir dos seis meses, em forma de papinha, uma vez por dia. Frutas raspadinhas também entram na dieta nessa idade. Dos sete meses em diante, a comida salgada já deve ser oferecida duas vezes ao dia. A coordenadora de Nutrição do Ministério da Saúde também lembra o que as mães devem evitar, a todo custo, incluir nas refeições dos bebês.
ANA BEATRIZ VASCONCELOS: "O conselho básico pra essa alimentação saudável é que realmente sejam evitados doces, enlatados, guloseimas, refrigerantes, frituras, café, produtos embutidos como salsicha. Isso até os dois primeiros anos de vida."
GISELE DAEMON: A coordenadora de Nutrição do Ministério da Saúde destaca que os hábitos alimentares de toda pessoa são formados nos primeiros anos de vida e que, por isso, é tão importante cuidar da alimentação saudável das crianças, desde o nascimento.
Fonte: Agência Rádioweb - Reportagem, Gisele Daemon

ESPORTE: Heroico, Palmeiras se classifica na Copa Sul-Americana

Mesmo o mais fanático torcedor do Palmeiras considerava difícil a missão desta quinta-feira, no Pacaembu. O time precisava reverter a boa vantagem do Vitória para avançar às oitavas de final da Copa Sul-Americana. Mas o triunfo por 3 a 0 veio e os jogadores deram o presente para o goleiro Marcos, que completou 500 jogos pelo clube. Tadeu marcou duas vezes e Marcos Assunção garantiu a vaga aos 44 minutos do segundo tempo.
O confronto da próxima fase ainda está longe de ser definido. O vencedor de Universitario Sucre, da Bolívia, e Colo Colo, do Chile, encara o Cerro Porteño, do Paraguai. No jogo de ida entre Universitario e Colo Colo, na última terça, em Sucre, o time boliviano venceu por 2 a 0.
Com a classificação, o técnico Luiz Felipe Scolari passou pela sua primeira prova de fogo. Os quatro empates e as duas derrotas nos primeiros jogos sob o comando de Felipão começam a ser esquecidos. A equipe já vinha de vitória sobre o Atlético-PR, no último sábado, pelo Brasileirão, pelo qual volta a jogar domingo, contra o Guarani, em Campinas.
Apesar da dificuldade da partida, a comemoração já estava armada no Pacaembu nesta quinta. A torcida presente enfeitou o estádio com fitas, bandeiras e até um mosaico que formava o rosto do goleiro Marcos, o grande homenageado da noite.
Mas o time não parecia estar em casa. Ainda nos primeiros minutos, a necessidade de reverter a derrota por 2 a 0 sofrida Salvador deixou o time nervoso. Felipão por pouco não foi expulso de campo pelo árbitro Heber Roberto Lopes ainda no primeiro tempo. O Vitória, que não tinha nada com isso, aproveitou, e Ramon comandava as ações.
As coisas começaram a melhorar para o Palmeiras quando o atacante Tadeu, em sua primeira oportunidade, de cabeça, acertou a trave - o titular Kleber ficou de fora por suspensão. Daí em diante, foi um festival de chutes de todas as distâncias. Viáfara conseguiu dar conta do recado para o time baiano até os acréscimos.
Marcos Assunção então apareceu para o jogo e foi preciso na assistência, já nos acréscimos do primeiro tempo. O volante lançou Tadeu e o atacante saiu na cara de Viáfara. O palmeirense bateu na saída do goleiro, que ainda tocou na bola antes dela entrar. Era o gol que o Palmeiras precisava antes do intervalo.
No início do segundo tempo, do mesmo jeito que Marcos fez uma lambança histórica - contra o mesmo Vitória, na derrota por 7 a 2 pela Copa do Brasil de 2003 - Viáfara retribuiu. O goleiro colombiano protegeu a bola na linha lateral, saiu jogando errado e permitiu que o Palmeiras armasse a jogada enquanto estava fora do gol. Tadeu, mais uma vez, não perdoou e marcou o segundo, aos 12 minutos.
O gol foi o recado para Felipão colocar o time de vez no ataque. O resultado levava a decisão para os pênaltis, mas isso não passava pela cabeça do técnico. Em ritmo lento, o Vitória sim parecia querer decidir nas penalidades.
A equipe baiana só não contava com a precisão de Marcos Assunção na cobrança de falta. Antes da batida, ele lustrou a bola, procurou o melhor pedaço de gramado e não vacilou: um golaço, que classificou o Palmeiras à próxima fase da Sul-Americana e manteve vivo o sonho do título e a consequente vaga na Copa Libertadores do ano que vem.
Fonte: Eldorado ESPN - André Avelar
Foto: Tiago Queiroz

ESPORTE: Corinthians vence, afunda o São Paulo e encosta no Flu

Com inesperada facilidade, o Corinthians venceu o clássico deste domingo, no Pacaembu, ao aplicar 3 a 0 no São Paulo, pela 15.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com dois gols de Elias e um de Jucilei, o time de Adilson Batista somou mais três pontos e reduziu a diferença para o líder Fluminense.
O Corinthians tem agora 31 pontos, dois a menos que o time carioca. O líder do campeonato empatou por 2 a 2 com o Vasco, no Maracanã, e perdeu a chance de manter a vantagem de quatro pontos sobre a equipe paulista.
O São Paulo, que novamente mostrou um futebol apagado, aumentou a série sem vitórias sobre o rival - soma 10 jogos. Com o revés, o time do interino Baresi caiu para a 15.ª colocação e estacionou nos 17 pontos, apenas dois a mais que o Grêmio, o melhor classificado entre as equipes da zona do rebaixamento.

O clássico deste domingo foi marcado pelo amplo domínio do Corinthians. Os primeiros minutos foram de intensa pressão sobre a zaga do São Paulo. No entanto, o time só chutou uma vez ao gol até os 20 minutos, em jogada de William. Um pouco desequilibrado na área, o zagueiro exigiu grande defesa de Rogério Ceni.
Mas o time não desperdiçou sua segunda chance no ataque. Após boa tabela no ataque, Elias recebeu passe de Bruno César, na entrada da área, e mandou no canto esquerdo do goleiro são-paulino, aos 21.
O gol acordou o São Paulo, que passou a ter maior presença no ataque. O time dava passes em demasia, sem concluir na meta de Júlio César. As ameaças se resumiam a levantamentos na área em busca de Fernandão e Ricardo Oliveira.
Recuado, o Corinthians se defendia com tranquilidade, à espera dos contra-ataques. E, dessa forma, ampliou o placar antes do intervalo. Aos 44 minutos, Bruno César fez grande passe na área para Jorge Henrique, que entrou bem nas costas de Junior Cesar para cruzar rasteiro e aproveitar a entrada de Elias, que só completou para o gol.
O São Paulo voltou mais aguerrido no segundo tempo, mas ainda sofrendo com a instabilidade da zaga. Nem mesmo a entrada de Richarlyson, no intervalo, conseguiu dar tranquilidade ao time de Baresi.
Com vantagem confortável no placar, o Corinthians tratou de diminuir o ritmo, apenas administrando o resultado. E, mesmo em ritmo lento, a equipe mandante conseguiu chegar ao terceiro. Aos 25, após batida curta de escanteio, Jorge Henrique levantou na área para Jucilei cabecear firme e balançar as redes.

O terceiro gol foi um balde de água fria no São Paulo, que seguiu pressionando, mas esteve sempre mais perto de tomar o quarto em um contra-ataque do que diminuir o prejuízo. Motivados pelos gritos de olé, os jogadores do Corinthians souberam conduzir a vitória sem sobressaltos, sob os olhares de Mano Menezes, atual técnico da seleção brasileira, nas tribunas do Pacaembu.
Na próxima rodada, o Corinthians enfrentará o Cruzeiro, no Estádio João Havelange, em Uberlândia, na quarta-feira. O São Paulo vai buscar a reabilitação no campeonato diante do Vasco, no Morumbi, no mesmo dia.
Fonte: Eldorado ESPN - Tercio David / AE
Foto: AE

SARAMPO: Apesar de suspeita, doença foi eliminada do País desde o ano 2000

JULIANA COSTA: Apesar da recente suspeita de um caso isolado de sarampo no Rio Grande do Sul, o Ministério da Saúde esclarece que a doença está eliminada do País desde o ano dois mil. Desde então, todos os casos registrados nos últimos anos são importados, de pessoas que foram infectadas fora do país ou contaminadas por estrangeiros que vieram ao Brasil. O diretor do Departamento de Vigilância Epidemiológica do Ministério da Saúde, Eduardo Hage, explica que o importante nesse contexto são as secretarias de saúde estarem atentas a qualquer caso suspeito. EDUARDO HAGE: "Esse evento é um evento que ocorre ocasionalmente, não somente no Brasil como em outros países, mas ele evidencia que a Vigilância está atuando, está detectando rapidamente, intervindo e impedindo que o vírus venha voltar a se instalar no nosso país."
JULIANA COSTA: O diretor do Departamento de Vigilância Epidemiológica do Ministério da Saúde, Eduardo Hage, tranqüiliza a população e reforça a importância dos pais manterem em dia o calendário de vacinação das crianças.
Fonte: Agência RádioWeb - Reportagem, Juliana Costa